MARÉ ABERTA

Condição,
fatores externos,
comunicação...
solto vento e vou,
o barco,
que aportava,
vai seguindo a maré.
As ondas,
esguias,
levantam o humor,
vão tropeçando água,
vão cantando ar.
As asas se aprontam,
se distraem,
e alçam acima céu
o horizonte infinito.
São ferozes alturas,
fugazes passagens,
vida acontecendo,
dentro.
Os entulhos,
perdidos 
ao profundo mar.
Agora é brisa,
volante voo,
cantante voz,
doce certeza,
felicidade,
paz.
Louca aventura,
que atrela as emendas
na tremenda esfera
terra de ser ar.

Vanize Claussen
02/07/2016



Postagens mais visitadas