DIREITO DIVINO

Amanhece,
o vento recambaleia 
sobre às árvores. 
Meus avessos se distraem... 
O lado direito 
interpõe a face
e inusitadamente
amanheço dentro, 
cheia de flores, 
com perfumes internos 
e na sutileza 
do teu abraço,
onde terra nenhuma
pode tocar,
onde pedra alguma
pode ferir, 
pois o amor, 
mesmo num balanço, 
discreto, 
ama estonteante e feliz. 
Assim sigo, 
sabendo do encontro, 
onde o direito divino 
acontece para nós.

Vanize Claussen 
22/03/2015

Postagens mais visitadas