CANTAR A POESIA

Imperfeita,
perfeita,
sou eu assim,
dissolvida em seus braços,
vestida de presente,
a entoar a canção da poesia...
Você,
simplesmente,
me desembrulhando
em sua vida,
me regando de carinho
E ajustando as velas
para navegarmos em nosso amor.
Assim,
vestida de poemas:
intrigantes, picantes,
carinhosos, verdejantes...
Vamos oportunizando
o sentido de um relacionamento,
aprendendo a colocar
o selo da vida
no ato de amar.

Vanize Claussen

27/12/2013

Postagens mais visitadas