PULSAR

O estado de entrega
não funciona,
é preciso uma conotação de imagem,
uma fórmula secreta,
que chame, abrace
e transcorra em meu ventre-alma,
e faça-me sentir
MULHER DE ESTRELAS
e toque-me dentro,
em minha fonte-alma de luz.
Quero ser brisa,
deixar-me tocar
na ardência do coração,
que ama e ama.
Ah! Sentido de êxtase!
Ah! Doce selvagem-mulher em mim!
Balança-me de cores,
nas flores do jardim,
faz-me soltar o pé do lugar
prá viajar além daqui
e ir na busca de encontrar,
além do véu, além mar,
achar vaidades simplificadas,
além das planícies, planaltos.
Forjar a busca incessante
Que a alma não deixa parar.
Ah! ALMA VIAJANTE DE LUZ   
que existe em mim,
embala-me em teu pulsar!

Vanize Claussen 

06/11/2012

Postagens mais visitadas